PASSO A PASSO

2018-01-12


De Almada à Disneylândia

Antunes Ferreira
Maria Fernanda Santiago (Nanda) era guia duma agência de viagens e costumava acompanhar portugueses quando viajavam ao estrangeiro e visitavam os meus, museus, igrejas, monumentos importantes et aliud. Não apenas guiava os portugueses também os ajudava no melhor espaço para fotografarem paisagens, vistas sobre o mar, ambiente, etc.

Numa dessas viagens a Londres, naturalmente foram ver a Torre de Londres, catedral de Westminster, Churchill War Rooms e outros. Maria Fernandes indicou o melhor ângulo e local para as fotografar e foram também ver os interiores, relembrando a visita de Ramalho Eanes à catedral.

O Coliseu de Roma
Num outra viagem visitaram Roma; obrigatoriamente foram ver o Coliseu, a Via Ápia, uma pausada (a viagem tinha sete dias) deslocação ao Vaticano, diziam os entendidos que quando se vai à praça de São é obrigatório ver o Papa. E como era o Papa Francisco, tão simples, simpático e alegre, viram-no debruçado da varanda acenando à multidão de fies, mas também de homens e mulheres, vieram encantados.
Torre Eiffel

Mas, como era evidente também foram a França e principalmente Paris. Dentre os muitos monumentos obviamente está à cabeça deles a Torre Eiffel, mas também o Arco do Triunfo, a Igreja de Notre-Dame e o Moulin Rouge. A Cidade Luz tem algo que lhe confere uma imagem de monumentalidade e simultaneamente de diversão.

É preciso que se saiba a propósito da guia que a Nanda, 28, era casada com o eng.º civil Jorge António Santiago, 34 e o casal tinha três rebentos, o Francisco (Chico), 8, a Manuela (Nela), 6, e o Joaquim (Quim), 3. Viviam em Almada num apartamento com quatro assoalhas, duas casas de banho, cozinha, dispensa, sala de jantar e sala de visitas. Na garagem tinham dois locais de estacionamento e uma arrecadação. Eram burguesia/alta.

Como trabalhavam ambos em Lisboa todas as manhãs usavam a Ponte 25 de Abril onde Jorge Santiago tinha o seu gabinete com dois arquitectos, um desenhador e um informático e a Nanda ia à agência de viagens de onde partiam os autoplumans que levavam os portugueses a vários destinos como atrás se disse. Melhor dizendo a agência era no Continente, por seu turno as viaturas partiam da Eduardo VII. Ambos exerciam as profissões com gosto…
Catamarnn e Ponte 25 de Abril

Às vezes, aos domingos saíam da outra banda num catamaran e os miúdos adoravam andar num barco, pois nunca o tinham feito, Jorge e Nanda explicaram aos garotos o que era o Mar da Palha e fizeram-no com todos os pormenores; é uma grande bacia no estuário do Tejo próximo da foz do rio, se caracteriza pelos seus fundos baixos pelos seus fundos baixos e em constante mutação. A navegação é feita pelas calas e por canais mantidos às cotas necessários através de dragagens.

Apesar de ser um mar interior não é invulgar encontrar vagas relativamente altas,
provocadas pela combinação do vento e das marés e das  com os fundos baixos,
sobretudo no seu estreitamento onde cria um encontro de águas junto a Cacilhas. Na
origem do seu nome estão os resíduos vegetais arrastados das lezírias ribatejanas
que empurradas pelas correntes e ventos. Quando estão os flamingos que ali moram é
frequente vê-los com uma “perna” no chão e a outra levantada.

Os garotos estavam muito admirados com a sapiência do pai. Este que naturalmente
lhes dado o significado de alguns termos que utilizara e explicou-lhes que
ela provinha da…Wikipédia que ele tinha consultado há vários meses. Fora uma
verdadeira aula de geografia. No dia seguinte o “trio” que frequentava o externato Frei
Luís de Sousa, aliás perto da casa deles, de manhã ao começo das aulas fizeram um
vistaço quando contaram aos colegas a “aventura” que tinham vivido. Foi um rol de
perguntas sobre o que tinha acontecido descriminando os pormenores, o barco que tal
era? Era bonito? E é porreiro ver Lisboa caindo sobre o Tejo? Enfim uma data de
 questões que não se apresenta se não a estória era mais longa do que a espada do
D. Afonso Henriques… Uma coisa era certa: pareceu-lhes um “interrogatório da
 PIDE/DGS” que o pai deles lhes contara.

Zangado

Nas férias grandes a famelga conforme o prometido fora dar uma volta por Paris.
Condição sine qua non era uma visita à Disneylândia onde passaram um dia inteiro. Ainda que a garotada a tivesse visto na televisão, outra era ver ao perto os personagens e os ambientes criados pelo Walt Disney. Do pato Donald até à Branca de Neve e os sete anões (Chico sabia os nomes deles: Mestre, Zangado, Dengoso, Atchim, Soneca, Dengoso e Dunga). Vejam lá que o Zangado lhes dera um passou-bem, pela Bela Adormecida, pelo Pinóquio e por outras protagonistas que tinham vistonas revistas aos quadradinhos e depois pelo cinema, pela televisão e até na Internet.
Almoçaram no restaurante do Rato Mickey, donde depois seguiram numa correria àDama e o Vagabundo, o Mogli, a Cinderela e acabaram no Aladim. Ainda jantaram noParque e finalmente porque já chegara o João Pestana regressaram ao hotel.


Resumindo e concluindo a família era muito feliz, mas cai a nódoa no melhor pano: o
papá Jorge era ferrenho dos lampiões. Como o resto da família era do Sporting, o
melhor clube do Mundo e arredores, com o estádio lindíssimo, entretanto inaugurado o
Pavilhão João Rocha, volta sim, volta não, as piadas surgiam aos montes, as trocas e
baldrocas entre os enganados, digo, encarnados, de mimos entre o Vieira, aliás o
“Orelhas” e o Bruno de Carvalho mailo Pinto da Costa, bem como os respectivos
directores de informação, Luís Bernardo, SLB. Nuno Saraiva, SCP e Francisco
Marques, FCP. Os treinadores Jorge Jesus, Rui Vitória e Sérgio Conceição também
ajudavam à missa. Dizia o pai Jorge que volta não volta ainda andariam à porrada!
Claro que este último comentário era na reinação.


Mas, toda a estória tem um end, mal parecia se assim não fosse. Quando voltav
am os cinco para a outra banda um gajo emborrachadíssimo tentara apalpar o rabo da
Nanda, o Jorge não esteve com meias medidas dera-lhe um uppercut que o tipo até se
mijou nas calças. E um cavalheiro disse do lado esquerdo é muito bem feito; a chatice
 é que a mulher dele vendo-o chegar naquele estado, dera-lhe um enxurro com o rolo
 da massa! Entretanto o bêbado se levantava a tremer como varas verdes, o pessoal
riu-se às gargalhadas que por certo se ouviram em Lisboa…  






52 comentários:

  1. E pronto, lá fui de viagem com a Nanda :-)

    Divertido

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. querida nonamamiga..

      ... e eu vou de viagem ao rés-do-chão para abrir a minha caixa de correio e ver se lá tenho um milhão de euros... lol lol lol Tá bem tá...

      O teu cumentário, oops, comentário está muito bem esgalhado

      Qjs do adorado

      Henrique, o Leãozão

      Eliminar
  2. Assédio sexual, não, jamais (ler em fraçois)

    ResponderEliminar
  3. Caro Cunhamigo

    Concordo com o teu cumentário...oops comentário,que está hoje bastante habitual sobretudo quando se verifica out door (tá visto que é english), ora toma e vai-te lavar!!!!

    E já gora corrijo-te é françois

    Abç sabadal do teu amicíssimo

    Henrique, o Leãozão

    ResponderEliminar
  4. Não há bela sem senão...lampião brrrrrrrrrrrrrrrr!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Querida Maria do Mundamiga

      Poizé; há quem me chame lagarto... mas eu sou Leãozão! :-)))))))))))))))

      Qjs e bom domingo do teu amigo

      Henrique, o Leãozão

      Eliminar
  5. As peripécias da Nanda e família.
    Pena o lampião estragar a fotos do resto da família, não é mesmo?
    Um abraço e bom fim-de-semana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Querida Elvirinhamiga (Um destes dias o Carlos do Carmo move-me um processo. Mas, não há-de ser nada...)

      Boa!!!! Só comento que estou 278% contigo

      Qjs e bom domingo do teu amigo e fã

      Henrique, o Leãozão, com muita honra...:-)))))))))))))))

      Eliminar
  6. Começa a semana com o pessoal todo à batatada??
    Grande abraço para ti, beijinhos para a Raquel

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caríssimo Coimbramigo

      É que se pode arranjar... :-)))))

      Triqjs e abç para tu do teu amigão

      Henrique, o Leãozão

      Há bastantes dias que não vou ao Devaneios ao Oriente pois dentro das diversas e graves maleitas que já conhecesses (filho da puta de ano!!!) desta feita coube-me a mim a chatice:baixei ao Hospital de Santa Maria com uma pneumonia agravada, (há virus e bactérias a esmo nem eu nem os médicos descobrimos qual foi o sacana) onde estive onze dias ao fim deles foi-me dado alta!!!!!

      Eliminar
    2. Ano fdp mesmo, FerreirAmigo. 2018 tem que ser melhor, porra!
      Grande abraço para ti, beijos para a Raquel

      Eliminar
    3. Carissíssimo Coimbramigo

      2918 não deve ser boa rês. A verdade é que no caso concreto já sabes que baixei ao Hospital etc durante onze ias e isso aconteceu em Janeiro de 2018

      E embora o João Pinto do teu Fê Cê Pê tenha dito que prognósticos só no fim do jogo.., o meu irmão deve partir em 2018 E vai para uma semana por mor de uma merda que dá pelo nome de meo tivemos um apagão de telefone fixo, telemóvel e televisão, o que meteu gritos insultos e palavrões do je. A minha cunhada Lena nos Açores continua à rasca! Já entrou assim em 2018... Topas?
      Triqjs, bjs da Raquel e abç para tu
      Henrique, o Leãozão

      Eliminar
  7. A sua narrativa fez-me ir de viagem. Como sempre você usa o seu humor para apimentar o que conta. É fantástico!
    Um beijo, meu Amigo.

    ResponderEliminar
  8. Querida Gracinhamiga II

    Que pasa? Antes tratavas-me por tu e agora por você. Estranho...

    Quanto ao teu comentário sobre o artigo só tenho uma palavra, obrigado.

    Qjs do teu amigo e fã
    Henrique, o Leãozão

    Há bastantes dias que não vou ao Ortografia do olhar pois dentro das diversas e graves maleitas que já conhecesses (filho da puta de ano!!!) desta feita coube-me a mim a chatice:baixei ao Hospital de Santa Maria com uma pneumonia agravada, (há virus e bactérias a esmo nem eu nem os médicos descobrimos qual foi o sacana) onde estive onze dias ao fim deles foi-me dado alta!!!!!

    ResponderEliminar
  9. Fico contente por já estar melhor e ter tido alta.
    Não se preocupe com o Sexta, a sua saúde está em primeiro lugar.
    Abraço

    ResponderEliminar
  10. Querida Elvirinhamiga

    Muito obrigado. Quando estou bem (ou mais ou menos bem) sigo sempre a SEXTA-FEIRA e comento as PARTES. É o meu feitio, é a minha maneira de ser, quase diria que é uma "obrigação"....

    Qjs deste teu amigo e fã
    Henrique, o Leãozão

    ResponderEliminar
  11. Boa noite desculpe a demora! Sempre com maravilhosos documentários.
    Mas o mais importante é desejar que se encontre bem de saúde, dentro que que lhe for possível.

    Grande abraço fraterno.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Querida Cidáliamiga

      Não tens nada que pedir desculpa. Quando o fizeres saberei que roubaste um milhão de euros ou assinaste, oops, assassinaste trinta e quatro e meio pessoas.... ha ha ha haaaaaaa

      Felizmente estou melhor, quase bom - o que nunca fui...

      Feliz Natal+feliz Ano Novo+Feliz Dia de Reis...

      Qjs deste teu amigo e fã
      Henrique, o Leãozão

      Eliminar
  12. Henrique, gosto sempre que posso te ler.. Estamos em férias na praia e vim desejar que tudo de bom te aconteça nesse 2018. Tantas coisas em 2017, chega,né? E agora que te recuperes e fiques BEM! abração praianos,chica

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Querida Chiquitamiga

      Poizé, uns comem os bifes da maminha e os outros roem os ossos... Tu na praia e nós de guarda chuva. Aliás o tempo está um verdadeiro vira-casacas: no Verão chove e no Inverno está... calor... ha ha ha haaaaaaaaaaa
      Estou melhor e estou a caminho de estar bom; aliás bom nunca fui...
      Qjs transatlânticos do teu amigo portuga

      Henrique, o Leãozão

      Eliminar
  13. Com esta bela narrativa acerca das andanças do casal Santiago, mai'la sua prole, vejo que o gostinho pela escrita não esmoreceu em ti, HenriquAmigo.
    Para nosso deleite, claro está.

    Isso da pancadaria final até veio trazer um "je ne ces't quoi" ( isto está bem escrito, Henrique? ) de graça, e mostrar que a Nandinha tinha o traseiro bem protegido...pelo marido! :-))

    Um abraço, continuação de saúde e um beijinho para a Raquel.

    D'amiga Janita.

    ResponderEliminar
  14. Querida Janitamiga

    É mesmo assim, se eu deixar de gostar de escrever tenho a certeza de que estou morto, definitivamente falecido, no caixão e para dar uma de latinório de cujus... Fico feliz pela malta (ou quase toda) que gosta dos rabiscos que faço.

    No que concerne à pancadaria final (inteiramente justa,embora se fosse eu ainda lhe dava mais), o teu franciu está Parfait! E quando ao cu da Nandinha o Jorge tinha-o debaixo de olho não fosse alguém beliscá-lo, pois ele há sacanas para tudo. Filhos da puta! ha ha ha haaaaaaaaaa.

    Qjs da Raquel e do Henrique, o Leãozão

    ResponderEliminar
  15. A sério, Sr. Henrique?
    Que situação. Desejo-lhe as rápidas melhoras e que se encontre bem.
    Lamento pelos seus familiares, força.
    Beijinhos, Diana.

    ResponderEliminar
  16. Querida Dianamiga

    Sr.? Ora essa, o meu nome é Henrique (Antunes Ferreira)

    Muito o obrigado pelos teus desejos de rápidas melhoras. As melhoras que vou sentido dia a dia não podem se rápidas...

    Enfim, é a madrasta da vida

    Qjs do

    (SÓ...) Henrique, o Leãozão

    ResponderEliminar
  17. Eu gosto de bons guias de viagens!!!
    Espero que tudo se resolva bem e em bem!
    bj

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Querida Gracinhamiga II

      P'stá claro que eu também!
      Muito obrigado

      Qjs do teu amigo
      Henrique, o Leãozão

      Eliminar
  18. Boa tarde amigo.
    Cheguei agora a casa e reparei que o amigo deixou uma pergunta no Sexta-Feira.
    Quando é que eu vinha ao seu covil.
    Será que estava a fazer confusão com outra pessoa? É que se olhar para os comentários, verá que eu já cá estive duas vezes fora esta.
    Abraço e tudo de bom para si

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Querida Elvirinhamiga

      Peço-te desculpa, sou um despistado da primeira apanha...

      qjs deste teu amigo descuidado

      Henrique o Leãozão

      Eliminar
  19. Ora, aqui está o exemplo de um lampião simpático! Não é todos os dias que se encontra um...

    Estou só a ser mázinha, de leoa para leão ;-)

    Abraço e saúde, amigo Henrique!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Querida Cristinamiga

      Ia tendo um chilique antes de ver que era brincadeira. Uff... Vou-me vingar, essa tuas andas protozoáricas...

      Agora vamos no bom caminho, o Bas Dost é o máximo. O Nuno Ribeiro está aí para as curvas e o nosso Freddy Montero voltou! Além de todos os outros que ficaram. Mas, estou certo que vamos perder o Willam e o Gelson no final da época...

      Muito obrigado

      Qjs do teu amigo
      Henrique, o Leãozão!!!! Viva os alviverdes!!!

      Eliminar
    2. Olha, ainda não sabia que o Montero tinha voltado!

      Estamos no bom caminho, sim. Já vai sendo tempo...

      Eliminar
    3. Querida Cristinamiga

      Veio sim senhor e é realmente uma mais valia. Deves lembrar-te que veio "substituir" o Liedson qua a malta e os cartazes diziam Liedson resolve e no fim depois de voltar ao Brasil em glória voltou ao tripeiros onde foi uma merda. Benfeito! Cá se fazem, cá se pagam! Traidor!

      Oxalá tenhas razão. Pelo sim, pelo não faço figas...

      + qjs

      Henrique, o Leãozão sempre!

      Eliminar
  20. O gosto pelo bom humor e fluência de escrita está bem presente na narrativa cheia de vivacidade .
    Quanto ao andar ausente , já fui mais presente . Mas sempre que posso aqui estarei .
    Lamento todos esses momentos difíceis , Henrique. Depois da tempestade vem a bonança .
    As melhoras
    Beijo !

    ResponderEliminar
  21. Querida Manuelamiga

    Enfim chegaste! Hip! Hip! Hurra! Hurra!

    Muito obrigado pela informação e também pelo comprimento...ooops. cumprimento quanto à minha escrita.:-)))))))))))

    Têm sido dificílimos, mas desejo e espero que daqui para diante venham a ser melhores. Mas infelizmente quanto ao meu irmão tudo indica que chegando o seu fim...

    Qjs do teu amigo

    Henrique, o Leãozão

    ResponderEliminar
  22. Henriquamigo, gostei desta ''tour'' que terminou com a fúria
    de um verde... vermelho de raiva...
    É preciso honrar a bandeira nacional!
    Uma matéria que revela espírito paciente e correção textual.
    Prefiro a parte que é acompanhada de ironia discreta.
    É uma grande alegria ler-te novamente.
    Agasalha-te e porta-te bem, afilhado...
    Beijinhos ternos para ti e Raquel.
    ~~~~

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Querida Madrinhamiga

      Muitíssimo obrigadérrimo...

      Estou certe que já reparaste que deste na mouche quando me sugeriste assinar Leãozão, pois sou mesmo LEÃOZÃO!!!!!
      Claro que honro e respeito a nossa bandeira!
      Mais uma vez, minha querida, acertaste. Foi uma consulta para além da Wikipédia outras enciclopédias incluindo a British, a Luso Brasileira e mais duas.

      Claro que sabes que sem ironia a estória morre sem sabor a nada...:-))

      Para mim também o é, pois, sabe-lo em tenho uma satisfação e alegria quando escrevo; e bem agasalhado sobre o mando ditatorial da Goesa de má raça... :-)))))))))

      Muitos beijos da Raquel e meus
      O teu afilhado

      Henrique, o Leãozão

      Eliminar
  23. Henriquamigo, gostei desta ''tour'' que terminou com a fúria
    de um verde... vermelho de raiva...
    É preciso honrar a bandeira nacional!
    Uma matéria que revela espírito paciente e correção textual.
    Prefiro a parte que é acompanhada de ironia discreta.
    É uma grande alegria ler-te novamente.
    Agasalha-te e porta-te bem, afilhado...
    Beijinhos ternos para ti e Raquel.
    ~~~~

    ResponderEliminar
  24. Muito bom, Henrique, acho que sempre uma viagem deve ser precedida pelo digamos...Wikipédia!! rsrss Assim entenderemos onde estamos! Gosto também de sentar em algum lugar público para ver a cidade como ela é, de fato, as pessoas do lugar.
    Uma pergunta: Por acaso é você que envia aquelas piadas ao nosso amigo 'Pedro Coimbra'?? rsrsrs, fantásticas, essas sim são piadas ótimas.
    Contente por vê-lo bem melhor.

    Um beijo pra você e Raquel, a forte! rs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Querida Taisamiga

      Como podes ver minha querida como não sei usar o tal GPS (o que é uma vergonha pois estamos no século XXI, mas modernices não são comigo, o blogue vá lá, mas o smartfone já é complicadote, sei telefonar e atender chamadas e... pouco mais...) donde a Wikipédia é a dona dos meus amores, chiu, que a Raquel não saiba, mas não só: a British, a Luso-Brasileira a e mais outras...

      Temos os mesmos gostos, o que não me admira sabendo quem és e (permite-me o auto-elogio) sei quem sou.

      Absolutamente, temos um acordo, cumprimo-lo e pumba! Já tá...

      Beijinhos da Raquel, uma Grandíssima Mulher e também do Henrique, o Leãozão; para o teu Pedro segue um abraço

      O "jovem" Pedrinho persiste em não me ligar népia. Rogo-te, ajoelhado, que lhe lhe transmitas a minha mágoa e que venha aqui e en passant post um cumentário, oops comentário. Muito obrigado

      Eliminar
  25. HenriquAmigo.
    Peço-vos escusas pela minha ausência na nossa imperdível Travessa, porque de 10 a 15, do mês em curso, fiquei a acompanhar minha amada prima-irmã-paterna Maria Regina de Oliveira, que ficou internada em estado de coma induzido, no Hospital Guarujá. No fatídico dia 15 ela partiu de maneira compelida na expresso da eternidade. Ela contraiu varicela, herpes zoster, o rim na funcionava, não urinava, estava com anemia e pneumonia.
    No ano de 1973, quando ela estava em Lua de Mel, sofreu um acidente automobilística, na Via Anchieta, no retorno da cidade de Guarujá para sua residência em São Bernardo do Campo. O ex-marido, que agora já foi para o beleléu, estava sob efeitos de substâncias etílicas lícitas e, naquela época não era obrigatório usar o cinto de segurança. O "traste" se recuperou, mas minha prima ficou paraplégica. Para entornar o caldo de vez poucos anos depois o irresponsável cometeu adultério com sua melhor amiga. Os pais da Regina são falecidos. Ela não teve irmãos, somente tinha primos-irmãos, 17 do lado paterno e 4 do lado materno. Já está o maior "fuzuê" por conta da herança dela. O desejo dela era doar seus bens para uma Entidade Assistencial que habilita o deficiente físico na sua rotina diária. Ocorre que ela não deixou testamento, mas os primos-irmãos-paterno desejam que seu desejo seja cumprido, mas os gananciosos do lado materno querem colocar a mão na bufunfa, mas até agora ninguém veio perguntar quando desembolsei com o funeral e demais providências legais.
    Peço-vos escusas pelo desabafo, mas estou exasperadíssimo com a ganância do lado materno, mas vamos ao que interessa.
    Como sempre suas crônicas deixam-me propenso a ter outros vieses.
    O gajo em estado etílico exacerbado chama Onofre Pinto Pacca...
    Caloroso abraço. Saudações reveladas.
    Até breve...
    João Paulo de Oliveira
    Um ser vivente em busca do conhecimento e do bem viver, sem véus, sem ranços, com muita imaginação, autenticidade e gozo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Casto Confradamigo

      Avida é madrasta! Também tu, meu Amigo foste atingido pele raio da má sorte; já não bastava o sofrimento e a morte da tua prima de que muito gostavas, ainda por cima há esses filhos da puta, gananciosos, abutres e cafajestes que tentam ludibriar os legítimos herdeiros. Puta que os pariu!!!!

      Meu querido João Paulo não tens de pedir desculpa, desabafar com um amigo alivia, por exemplo no meu caso.

      Abração do teu amigo do lado de cá do nosso Atlântico

      Henrique, o Leãozão

      Eliminar
  26. Respostas
    1. Querida Sãozitamiga

      Muito obrigado. Queijão! Do teu amigo
      Henrique, o Leãozão

      Eliminar
  27. Olá, Leãozão!! É sempre tão difícil chegar aqui, que nem lhe passa pela cabeça! Tenho de vir pelos seus comentários lá no meu espaço, senão não chego aqui!
    Peço desculpa pela ausência. A questão é que o Sidónio, meu marido, dias depois do Natal, foi submetido a uma operação difícil, demorada e delicada aos "interiores" onde lhe nascera um "bicho mau e feio". Retiraram-lho, mas ficou bastante abalado. E se bem que a recuperação tenha estado a fazer dentro - ou melhor - do que era esperado, gasto muito do meu tempo (e da minha disponibilidade e disposição) a tratar dele. Assim, fico muito limitada para estes (e outros) trabalhos.
    Sei que esteve internado, mas como já escreve por aqui, fiquei a saber que já "arrebitou" o que é bom de saber.

    Espero sinceramente que esteja tudo a correr o melhor possível consigo & Cª Ldª e, embora um pouco atrasados, deixo aqui os meus mais sinceros votos de Bom Ano.

    Beijinhos para o simpático casal.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Querida Gracinhamiga I

      Muito e muito obrigado pelo teu regresso aqui ao nosso A NOSSA TRAVESSA.

      Caramba! Temos mesmo de ir à bruxa com tanto ataque "maleitoso". Espero que o feliz Sidónio (porque te tem como esposa) esteja a melhorar pelo menos passo a passo - como dizem os futebolistas - e que dentro em pouco possa retornar à sua vida normal. Eu sei o que isso é e a Raquel, o Miguel (o meu primogénito) e o resto da famelga também o sabem.

      Retribuo os teus votos minha querida.

      Bjs da Raquel e qjs do amigalhaço
      Henrique, o Leãozão

      Eliminar
  28. Ser sensível nesse mundo requer muita coragem.
    Todo dia.
    Esse jeito de ouvir além dos olhos,
    de ver além dos ouvidos,
    além do horizonte...
    Esse amor tão vívido em terra em que
    a maioria parece se assustar
    parece que o mundo tem medo de amar.
    Tenha um abençoado final de semana.
    Um Domingo com missa ou culto
    tanto faz Deus esta em toda parte.
    Bjs.Evanir.
    Sinto falta do seu carinho.
    Ficaria feliz se pudece ver a tristeza do meu
    profundo olhar.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Querida Evaniramiga

      É com muita satisfação e contentamento que registo a tua primeira visita aqui. Muitíssimo obrigado.

      Esse teu poema pode tão belo pode ser resumido numa só palavra: amar.
      O fim-de-semana está a caminhar para o... fim.

      Por isso envio-te qjs (queijinhos = beijinhos) do teu amigo

      Henrique, o Leãozão

      Eliminar
  29. Que bacana, acabei descobrindo o seu blog. Sou brasileira e gosto muito de ver blogs portugueses, para ter mais conhecimento sobre este país incrível. Vou aparecer mais vezes!!!

    Você pode dar uma olhadinha no meu blog? Escrevi sobre ótimos músicos cearenses : https://arteculturaespiritualidade.blogspot.com.br/2018/01/um-toque-cearense.html

    ResponderEliminar
  30. Querida Erikamiga

    Viva! Muito bem vinda! Tenho muitas brasileiras e muitos brasileiros como migas e amigos e trocamos comentários e respostas frequentemente. Já fui ao Brasil umas doze ou treze vezes e a diversos estados e cidades. Gosto muito de São Paulo, de Santos. de Curitiba, Porto Alegre, Belo Horizonte Recife, Manaus, Fortaleza, João Pessoa e para mim a mais linda - o Rio de Janeiro!!!!

    Vou já visitar o teu blogue, deixar lá um cumentário... oops, comentário e também vou inscrever-te na minha lista de blogues que sigo, tá?

    Qjs = queijinhos = beijinhos do teu novo (velho, 76 aninhos...)

    Henrique, o Leãozão

    Como podes ver, tenho a cabeça a funcionar, felizmente e sou muito brincalhão...

    ResponderEliminar
  31. Amiga, vim agradecer sua visita e o lindo comentário que deixou.Seu link ficou nos comentaristas de BC, seja sempre bem vinda. Caso deseje seguir o meu humilde blog, será um grande prazer. Abraços

    ResponderEliminar
  32. Vim me desculpar. Como vi um casal me referi a mulher, mas logo percebi seu nome Herrique, Seja sempre bem vindo!

    ResponderEliminar